Glee: 1x15 The Power Of Madonna [Review]

20 de abr de 2010


1ª Exibição EUA: 20/04/2010
1ª Exibição Brasil: 21/07/2010

Finalmente o episódio mais aguardado dessa segunda fase de Glee chegou. E por que mais aguardado vocês podem perguntar. Simples, por que ele é centrado nas músicas da cantora Madonna, que inclusive assistiu ao episódio e aprovou.


O episódio começa com Sue escrevendo em seu diário (uma das coisas que ela faz que eu mais gosto!!!) sobre Madonna e o quanto ela a admira. E ainda adiciona que Angelina Jolie e Catarina a Grande que a perdoem, mas Madonna é a mulher mais poderosa que já andou na face da Terra. Com esse pensamento, ela vai até o diretor Fingins exigir através de chantagem que ele coloque as músicas da Madona para tocar em toda escola, sem interrupções.

Figgins acha uma insanidade, mas Sue o lembra que ela ainda pode contar a sua mulher que ele dormiu com ela (será mesmo?). Aliás, a cena em que isso ocorre me fez adorar a Sue ainda mais, imagina estudar em um lugar que toca Madona o dia todo!


 
Sue junta suas Cheerios e as lembra que elas precisam pensar e agir como Madonna, ou seja, namorando garotos mais jovens para poder vencer as competições nacionais de animadoras de torcida. Um das frases que ela usa que eu mais gostei foi: "É como a Madonna sempre diz. Eu sou durona, eu sou ambiciosa e eu sei o que eu quero. Se isso me faz ser uma cretina. Que seja. E eu tenho certeza que ela roubou essa frase de mim. Sério, ela roubou de mim, eu falei primeiro”.
Rachel se abre com as meninas do clube Glee, dizendo que “hipoteticamente” seu namorado a pressionando para transar e pede conselhos de como não deixar um garoto com raiva por dizer não. As meninas se dão conta que os meninos não se importam com os sentimentos delas em relação a relacionamentos e sexo. Até Tina reclama de Artie,que a ofendeu dizendo que seu visual gótico de vampira era ultrapassado e que ela deveria mudar sua aparência se eles fossem começar a namorar.

Rachel vai até pedir ajuda a Emma que não tem como ajudá-la devido a sua falta de experiência no assunto. Will inspirado pela coreografia das cheerleaders de Sue ao som de "Ray of Light" decide que o próximo dever dos Gleeks é fazer uma coreografia baseada em uma das músicas de Madonna. Puck e Finn são contra, pois não se sentem confortáveis em apresentar uma música da Madonna por serem homens. Rachel e as outras garotas acabam os convencendo do contrário quando começam a cantar "Express Yourself".

Aliás, falando no número "Express Yourself". As garotas dançam caracterizadas com o figurino de Madonna no clip e obviamente que se tratando do clube, os espartilhos tinham que ser coloridos. Aliás, é hilário a reação dos meninos enquanto assistiam as meninas. Com exceção de Kurt que estava amarradão dançando junto na platéia, os outros estavam meio sem jeito de assistir as meninas dançando de maneira tão sexy e provocadora. Enquanto Finn olhava para o teto sem parar, Artie parecia entediado enquanto que Puck continuava bravo. Hilárias demais as reações deles.

Seguindo o conselho de Sue e a sugestão de Britney, Santana resolve convidar Finn para sair e depois dormirem juntos já que ele ainda é virgem. Finn diz que gosta de outra pessoa, pois, ele ainda tem esperanças de ficar com Rachel, mas isso acaba quando a própria Santana conta que Rachel ainda esta namorando Jesse.

O mashup que Rachel e Finn fazem de Bordeline/Open Your Heart ficou perfeito. Interessante foi ver as estudantes do McGuinley High caracterizadas com as diferentes fases da Madonna em seus videoclipes no background enquanto eles cantavam o dueto. Muito bem elaborado!

Kurt e Mercedes decidem fazer um vídeo clip, tendo Artie como diretor. Quando Sue descobre que Will esta usando músicas da Madona também, fica furiosa. Eles acabam tendo outra discussão, Sue ofende o cabelo de Will, mas dessa vez ele devolve a piada e ofende o cabelo dela também. Quando ele sai, Kurt e Mercedes notam como Sue ficou magoada com a ofensa. Eles vão conversar com ela e ela revela que seus pais eram perseguidores de Nazistas e que ela deixou a irmã pintar seu cabelo de loito com os produtos químicos que eles tinham em casa.


Ela confessa que só zoa o cabelo do Will por ter inveja dele, o que faz sentido pelas piadas de cabelo que ela sempre fez desde o começo da série. Kurt e Mercedes então decidem fazer um make over na treinadora quando Sue protagoniza o vídeo "Vogue" com a participação da dupla, em uma recriação perfeita do clip original da Madonna. Nota 10 para a produção ficou perfeito!

Inspirados pelo poder de Madonna, Emma decide finalmente se entregar a Will enquanto Rachel decide aceitar a proposta de Jesse. Sem contar Finn e Santana. Alias, a o número de "Like a Virgin" que os três casais protagonizam foi pra mim a melhor cena deste episódio!!! E como o Will estava sexy nesse número! Não posso de comentar isso. Claro que a cena em questão não passava de uma sequência de sonho imaginado por Rachel, Finn e Emma o que tornou tudo ainda mais legal. No final das contas, somente Finn conseguiu transar com Santana e mesmo assim, não parece ter gostado muito.

Rachel e Emma acabaram desistindo no último minuto. Rachel diz a Jesse que se ela se entregasse a ele estaria traindo Glee. E para a surpresa do clube (e minha!), ele decidiu entrar para o clube e para a escola, para a desespero dos outros alunos, especialmente de Kurt e Mercedes que sempre fazem back vocals.

Sue não adere ao make over que Kurt e Mercedes fizeram nela, ela percebeu que não precisava se reinventar, mas sim reinventar os outros, afinal, ela é Sue Sylvester, uma mulher tão marcante e independente quanto a Madonna! E assim ela coloca Kurt e Mercedes nas Cheerios. Ao lado da banda da escola, Kurt e Mercedes cantam "4 Minutes". Will fica surpreso de vê-los lá e eles o informam que estão cansados de nunca terem solos e que estando nas Cheerios eles teram mais chancer de brilhar. Eles vão conciliar entre Glee e as Cheerios, mal vejo a hora de assistir ao próximo episódio para ver no que isso vai dar!


Os meninos cantamo "What It Feels Like For A Girl" e embora Puck ainda não se sinta confortável em cantar uma música tão feminina por gostar de ser um homem, Finn e Artie discordam finalmente. Artie conta que Tina gritou com ele outro dia dizendo que era uma garota poderosa, enquanto Finn e Will lembram que eles não têm tratado bem as garotas e que isso precisa mudar. Artie pede desculpas a Tina e Finn se desculpa com Rachel, e ainda dá as boas vindas a Jesse.

E claro, para encerrar o Glee Clube + Jesse St. James cantaram "Like a Prayer" com um coro gospel. Emocionante demais!

Músicas cantadas:

* "Express Yourself" - Madonna (New Directions Girls)
* "Borderline/Open Up Your Heart" - Madonna (Rachel & Finn)
* "Vogue" - Madonna (Sue Silvester)
* "Like A Virgin" - Madonna (Rachel, Jesse, Finn, Santana, Will & Emma)
* "4 Minutes" - Madonna (Kurt & Mercedes)
* "What It Feels Like For A Girl" - Madonna (New Directions Boys)
* "Like A Prayer" - Madonna (New Directions)





Leia Também:

Glee: 1x16 Home [Review]
Glee: 1x17 Bad Reputation [Review]
Glee 1x18 - Laryngitis [Review]
Glee: 1x19 Dream On [Review]
Glee: 1x20 Theatricality [Review]

0 comentários:

Postar um comentário

 

Posts Comments

©2006-2010 ·TNB