Veremos mais de Battlestar Galactica?

25 de jul de 2009


YEAH BABY!!!

Os gênios por trás de Battlestar Galactica e Caprica: Ronald D. Moore, David Eick e Jane Espenson, e os astros das series Edward James Olmos, Esai Morales (mais, convidada surpresa: Grace Park!), se reuniram na Comic-Con esta manhã para compartilhar algumas notícias ótimas com os fãs sobre as possibilidades para mais da saga sci-fi aclamada por todos.

Quer saber mais de Edward James Olmos sobre o próximo filme de BSG ?Quer saber quando Caprica vai finalmente estreiar na TV depois de um ano de gestação ?  Ou você prefere saber como Caprica está sendo apreciada pelos fãs de Buffy pelo mundo? Continue lendo...



Battlestar Galactica: The Plan (O Plano)

Jane Espenson chamou seu roteiro para a continuação do filme de Battlestar Galactica, "The Plan ", um "quebra-cabeça", porque reconta muito da mitologia de BSG do ponto de vista Cylon, a unindo a linha do tempo canônica enquanto conta uma história divertida e de humor negro. Em resumo, Espenson disse: nós fãs podemos esperar que The Plan seja sobre "O que aconteceu do outro lado da porta depois que ela passa". E o diretor de The Plan, Edward James Olmos, disse simplesmente: "Vocês irão pirar".


No momento, Edward James Olmos apenas quer que os fãs de BSG comprem The Plan em Blu-ray quando sair em 27 de Out. (Eddie realmente curte Blu-ray por alguma razão), mas ele também insiste: "Posso garantir a vocês que este não será o último filme de BattlestarGalactica". E sobre o que esse filme seria ? Bem, um fã queria saber se Edward pensou sobre o que acontece com Adama depois do final da série e, Edward nos disse: "Eu na verdade escrevi um roteiro completo sobre o que acontece com ele. Deixe-me por dessa forma: Quando vocês virem Adama novamente, ele estará em uma cabana rústica de madeira e haverá uma batida na porta. E será seu velho amigo Coronel Tigh dizendo: 'Nós temos um problema'. E é assim que a jornada começa".

Caprica

A melhor notícia sobre Caprica é que ela finalmente tem uma data de estréia! Isso mesmo, dia 22 de Janeiro de 2010 e ainda incluiu cenas cortadas para a TV (menos peitos) assim como cenas nunca vistas em DVD.

E para aqueles (como eu!) que já são fãs de Caprica, graças ao filme lançado em DVD no começo desse ano, os produtores executivos Eick, Moore e Espenson forneceram um pouco de cor para o público do Comic-Con, traçando o mundo político e estético no qual iremos pisar quando estreiar. De acordo com Jane, Eick e RDM, Caprica acontece antes da unificação das 12 Colônias, por tanto haverá vários detalhes sobre as culturas combatentes destes planetas. (Caso você não esteja a par da história de Battlestar Galactica, as 12 Colônias habitadas por humanos foram destruídas no começo da série pelos Cylons.)

Então, este spinoff é uma introdução, mais do que uma sequência e, de acordo com Moore "Nós queríamos que parecesse uma época diferente porque é uma época dentro do cenário de Galactica. Ocorre 58 anos antes de BSG. E nós queríamos ligar diferentes identidades culturais...Os Taurons são mais dos anos 40. Há chapéus e gravatas e charuto". Ou como Espenson explicou "É inclusive antes da unificação política das colônias, por tanto faz mais sentido que nós distinguamos as pessoas das colônias pelo que elas vestem, pelas tatuagens e por sua cultura".

Eick acrescentou que há outras diferenças visuais entre Galactica e Caprica: "Fotograficamente falando não é tão selvagem ou tão vérité(verdadeiro). Nós estamos explicando que isto é antes da queda de Roma, assim, não é tão caótico visualmente. É um pouco mais elegante, um pouco mais sútil". Ainda no meio desta serenidade e beleza, há sementes do desastre. Eick disse: "Há tensões, discriminações e preconceitos. Existe um tipo de racismo que ocorre nos relacionamentos entre Taurons e Capricans. Nós estamos trazendo alguns dos mais importantes problemas sociais assim como fizemos em Battlestar."

A propósito, Jane Espenson (que escreveu Buffy the Vampire Slayer e depois Battlestar Galactica e que será responsável por Caprica) quer que os fãs de Joss Whedon saibam que eles deveriam considerar assistir Caprica. "Há um pouco da essência de Buffy nisso. Nós temos uma adolescente revoltada e um robô". Legal.

Adorei quando Esai Morales disse a um conhecido 'isso é só um trabalho não?'[sobre seu papel em Caprica] e este respondeu: 'Não! É uma religião. Eu amei Caprica e mal vejo a hora da série estreiar, quanto a BSG, essa série é simplesmente de mais e na minha opinião quanto mais filme melhor !!!














0 comentários:

Postar um comentário

 

Posts Comments

©2006-2010 ·TNB