Glee 3x06: "Mash-Off" [Review]

18 de nov de 2011


1ª Exibição Original: 15/11/2011
1ª Exibição Brasil: 11/1/2012

Quando tudo parecia perdido. Quando você começava a pensar em tirar o dvd da 1º temporada de Glee da caixa e matar a saudade de episódios bons de verdade... Glee vem com esse maravilhoso episódio, que na minha humilde opinião foi a melhor desta temporada até agora, em todos os sentidos.
E o que movimentou o colégio essa semana foi o primeiro Mash-Off do McKinley. Preocupados com a possível rivalidade entre o New Directions e o Troubletones, Will e Shelby tentaram deixar as coisas mais amigáveis com uma competição de mash-offs. Mas longe de acalmar os ânimos, a competição só separou ainda mais os clubes do coral.

Santana decidiu direcionar sua raiva à Finn e a briga foi tao longe que até jogo de queimada na quadra os corais fizeram. Ao som de um mash-up: One Way Or Another (que sempre me faz lembrar de Veronica Mars cantando) com Hit Me With Your Best Shot. Esta tudo legal até que Rory (Damian) se machucou, me deu muita dó dele e raiva de Santana.


Sem poder aguentar mais e querendo que Santana sofra tanto quanto eles, Finn diz no corredor no meio de vários alunos que ela deveria se assumir porque ela só é má com todos porque ela sente ódio de não poder assumir que é gay e tem medo de que talvez a Brittany não a ame. Adorei, por essa ao esperava, mas ela mereceu e não é como se ele tivesse dito alguma mentira.

A campanha de Sue contra Burt: Será que sou só eu que não esta achando essa história legal?? Sue cria campanhas bestas sobre como Burt ter agora um coração de babuíno, e que ele esta casado com um burro. Ela começou a jogar sujo então seu outro oponente fez um comercial expondo Santana por ser gay. Ela ficou muito abalada já que não teve nem tempo de dizer a seus pais. Isso fez com que a apresentação das Troubletones fosse ainda mais dramática e eletrizante, conseguíamos sentir a dor de Santana e por isso eu achei bem dado o tapa que deu em Finn. Não tem como não sentir pena dela, porem não sento 100% por causa do que ela fez com Rory!


Puck deu o ar da graça com Hot for Teacher logo no incio, aparentemente não havia tarefa, ele só quis fazer por causa de Shelby, porque quem ele se diz apaixonado. Uma temática arriscada que Glee esta seguindo, mas conhecendo a série talvez no próximo episódio Puck nem esteja mais interessado! Quinn também tenta se aproximar da professora, mas somente por conta da ideia de ter Beth de volta.  Só que Puck revela os planos da loira a Shelby, que afasta a garota da filha.

Outro ponto chato é a bendita eleição do colégio. Rachel desistiu da eleição para que Kurt a perdoasse, ainda bem, não é como se ela tivesse realmente alguma causa. Não vou nem dizer o quanto é ridícula Brittany estar concorrendo ... E kurt também não tinha nenhum objetivo até o jogo de queima onde decidiu que essa seria sua plataforma : acabar com o jogo de queima que é outra forma de bullying. Nenhum deles tinha nenhuma plataforma, todos eles estavam lá apenas para ter isso no currículo. Ou melhor quase todos, Brit estava lá sabe-se por quê!


Ps: Amei muito a apresentAmei a apresentação das meninas, porém o New Directions não ficou muito para trás! Depois daquele discurso todo sobre deixar o novato cantar, na verdade quem cantou mesmo foi o Finn!

Músicas do episódio:

“Hot For Teacher” – Van Halen: Puck (Mark Salling) com Finn (Cory Monteith), Blaine (Darren Criss) e Mike (Harry Shum Jr.)
“Yoü and I / You and I” – Lady Gaga / Eddie Rabbitt: Will (Matthew Morrison) e Shelby (Idina Menzel)
“Hit Me with Your Best Shot / One Way or Another” – Pat Benatar / Blondie: Finn (Cory Monteith) e Santana (Naya Rivera)
“I Can’t Go For That / You Make My Dreams” – Hall & Oates: Finn (Cory Monteith), Tina (Jenna Ushkowitz), and Rory (Damian McGinty), Quinn (Dianna Agron) e New Directions
“Rumor Has It / Someone like You” – Adele: The Troubletones

0 comentários:

Postar um comentário

 

Posts Comments

©2006-2010 ·TNB