White Collar 3x13 "Neighborhood Watch" [Review]

3 de fev de 2012


1ª Exibição Original: 31/1/2012 
1ª Exibição Brasil: 9/4/2012 

Após toda trama envolvendo Keller e consequentemente Elizabeth, como não amar mais um episódio onde a “Mrs. Suit” tem destaque mais uma vez!? 


"Neighborhood Watch" mostra El depois do incidente com a versão má de Neal (Keller). Ela ouve uma conversa suspeita através de um rádio de espionagem deixado por Peter em sua casa. Depois ela descobre que se trata de seu novo vizinho, Ben Ryan (Joe Manganiello). Peter (e todos dos F.B.I) acredita que El esteja passando por uma fase paranóica, por causa do trauma sofrido. Sendo assim não é surpresa nenhuma quando ela pede ajuda a Mozzie e Neal. 

Tiffani Thiessen se destaca em cada fala da personagem e a parceria entre El e Mozzie foi algo lindo de se ver. El leva Peter para almoçar com seus vizinhos suspeitos e acaba ficando presa no escritório, mas por sorte Neal aparece para ensiná-la como abrir a porta. Nessa hora Peter aparece. Foi muito engraçado depois ter El, Mozzie e Neal sentados no sofá tentando explicar a Peter o que eles estavam fazendo. 


Ben se mostra um cara estranho e quando ele vai à casa de El, confesso que o clima e a atuação de Tiffani me fizeram ficar com medo dele. Porém não foi nada comparada ao clima do jantar. 

Se por um lado tivemos El nos surpreendendo do outro tivemos momentos ótimos com Mozzie. Foi irônico ver que enquanto ela começou a agir impulsivamente feito Neal, Mozzie agiu todo cauteloso feito o Peter. Isso só mostra a influência que eles estão exercendo na vida de cada um. 

Pois bem, os dois decidem seguir Ben e sua namorada. Adorei ver como El sabe seguir alguém sem ser visto (culpa de Peter que a ensinou muito bem) e eles chegam a uma boate. Lá para tentar enrolar os bandidos e seu parceiro, Connor Bailey, para que dê tempo da cavalaria chegar, El se passa por agente do F.B.I. É lógico que a farsa é rapidamente descoberta, mas como tudo sempre acaba bem. Isso deu o tempo suficiente para Peter chegar ao local e prender os bandidos. A resolução foi fácil e simples, mas nem por isso deixa de ser um ótimo episódio.


Detalhe: dois momentos que não posso deixar de comentar: quando Mozzie disse a El “Preciso ver mais ódio em seus olhos. Você deve exalar pura maldade, nascida com uma alma enegrecida;” e também quando Neal diz que a mulher de Peter cometeu um crime se passando por agente do F.B.I e ela apenas diz que tem imunidade matrimonial! De onde eles tiram essas coisas? 

Neste episódio eles não mostraram tanto a relação entre Peter e Neal, afinal de contas a confiança esta perdida. Esse episódio foi ótimo, mesmo que o enredo da série não tenha se desenvolvido muito, gostei que El não ficou com raiva de Neal ou coisa do tipo. Agora nos resta apenas 3 episódios. 

 Até o próximo post:.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Posts Comments

©2006-2010 ·TNB